• Feitiço de Amor - Resultados em 72 horas
  • Sorte para os seus negócios
  • Atendimento Gratuito Via e-mail 24 horas/dia
  • Trabalhos de Magia Negra e Magia Branca

Quem sou eu

O Mestre Gabriel Ochun tem mais de 30 anos de experiência no domínio da magia branca e magia negra. O Mestre não faz falsas promessas: Todos os rituais e feitiços são feitos SÓ para si! São garantidos os resultados mais rápidos, poderosos e eficazes. Você precisa da mais séria ajuda para o mais sério dos problemas. rituaisdemagia@gmail.com

12 fevereiro 2014

Amarração Garantida


Imensa gente nota que uma amarração amorosa tão logo quanto é feita começa dando sinais positivos, e porem com o passar do tempo começa perdendo essa força.

Porque isso acontece?

Falamos então a verdade que ninguém te fala sobre amarrações amorosas, e por isso:

Deixamos aqui 8 dicas que você deve seguir para garantir o sucesso de uma amarração amorosa.


1-

Acredite ! Magia lida com forças e energias espirituais que existem na natureza, e que são tanto atraídas como repelidas pela postura espiritual de quem está apelando para essas forças. Então: energia positiva atrai energias positivas, e energia negativa atrai energias negativas, e por isso se você estiver apelando para forças espirituais e porem andar com estado de espirito carrancudo, sempre desconfiado, sempre pensando que tudo esta dando errado, sempre lamuriando, sempre duvidando, sempre reclamando, sempre achando que nada está dando certo, então é esse tipo de energia que você vai estar chamando para si. Olha: o feitiço vai invocar energia positiva para descer em si e para ajudar na sua causa. E porem: se quando essa energia desce encontra apenas o oposto daquilo que deveria estar encontrando, então essa energia vai ser repelida, e ao inverso você vai começar atraindo tudo de errado em sua direção. Por isso mesmo por vezes um feitiço começa lindamente e dando todo o fruto que deveria dar, e porem com o passar do tempo tudo se começa esvanecendo., então: o feitiço energizou você com energias positivas, e porem se o tempo passa e você começa atraindo energias erradas, então tudo se começa esfumando. Por isso: seja positivo!



2-

Mantenha a amarração amorosa no maior segredo, e não conte para ninguém, nem sua mãe, nem sua melhor amiga, nem seja quem for. Magia lida com forças e energias da natureza, e basta uma vibração descrente de alguém que ficou sabendo dessa magia para começar envenenando essas forças e energias com negatividade. Por vezes a pessoa não faz por mal, e porem ela pode simplesmente não ter o mesmo nível de crença ou determinação que você tem. Então: ao partilhar com outra pessoa que você fez uma magia, você já esta partilhando esse ato mágico com essa pessoa, e essa pessoa passa a ter – mesmo inadvertidamente – capacidade de alterar as vibrações espirituais que estão atuando. Então: mantem sempre o maior segredo.



3 -

Jamais use de amarração amorosa se não acreditar de verdade em magia nem nas coisas do espirito. Você pode pagar a um bruxo para ele fazer um feitiço, e porem feitiço algum vai dar bom fruto naquele que estando o feitiço feito, porem não respeita nem acredita nos assuntos do espirito, da mesma forma que você pode pagar para um médico te curar, que se depois você andar tomando remedio da forma errada e fazendo tudo aquilo que o médico proibiu, então você vai acabar piorando ao invés de curando. Todo o bruxo evita fazer feitiço para pessoas incrédulas ou descrentes que recorrem de magia com descrença ou por mera curiosidade, ou que vem ao bruxo com aquele espirito de dizer: «vou pagar apenas pra ver no que vai dar». Não faz isso. Isso é quase como estar zombando com espíritos, pois isso é estar vindo aos espíritos apenas para testar os espíritos, e espirito detesta ser testado e zombado. Então: Não usa de amarração amorosa se você não acredita verdadeiramente nos espíritos e na magia, pois que troça, descrença ou falta de fé pode atrair energias negativas ou irritar entidades, causando efeitos negativos e indesejados. Olha: Isso é perigoso, pois que pior que um feitiço não dar em nada.... é ele fazer ricochete e acabar causando tudo ao contrário daquilo que foi desejado.



4-

Não fica todo o dia olhando o calendário contando os dias, nem olhando o relógio contando as horas. Magia funciona com energias e forças espirituais misteriosas que se movem por caminhos misteriosos, e que dão sempre resultado pelos caminhos que menos se espera, e quando menos se espera. Pois por isso: quanto mais você fica olhando o relógio contanto os minutos e matutando se vai acontecer deste jeito ou daquele, pior é. Ao contrário: abre o seu coração, e deixa a magia atuar. Magia é justamente isso: é algo mágico, invisível e incompreensível, que acaba sempre abrindo a porta certa onde menos se espera, quando menos se espera. Então: se você recorreu de magia, então deixa a magia entrar no seu coração, deixa a magia entrar na sua vida, e deixa esse mistério magico florescer magicamente.



5-

Não falhe nas orientações que lhe forem passadas, pois que bruxo quando te está passando orientação não é para amolar nem azucrinar a sua paciência, da mesma forma que medico quando te está falando as horas de você tomar o seu remedio e dizendo as coisas que você não pode fazer, ele não esta fazendo isso para te chatear mas sim para garantir que o seu tratamento te vai curar. Então: fazendo como o médico manda então o tratamento acaba fazendo você curar, e fazendo o contrário daquilo que o médico disse então o tratamento acaba fazendo você piorar.



6-

Não fica perseguindo, espiolhando e azucrinando a pessoa amada. Se você entregou esse assunto na mão da magia, então é a magia que se encarregará de unir os vossos caminhos. Então: larga essa pessoa de lado, e vive a sua vida com naturalidade. Não vai procurar por ela, não anda toda a hora olhando sobre ela, não faz nada disso e entrega nas mãos da magia, pois que se você entregou o seu assunto para as entidades espirituais, então serão as entidades a ir envolver essa pessoa e a trazer essa pessoa no seu caminho. Então: não interfere com as entidades e energias a quem você entregou esse assunto, para não andarem as entidades trabalhando e você atrapalhando. Olha: se fosse para ser você a dar solução nesse assunto andando atras dessa pessoa, então para quê chamar os espíritos para lidar nesse assunto? Pensa: se andar atras dessa pessoa resolvesse, então esse assunto já estaria resolvido, não é mesmo? Pois então: você está recorrendo de amarração justamente porque já tentou andar atras dela pelos seus próprios meios, já tentou dialogar com ela, já tentou abordar essa pessoa de todo o jeito, e porem ela permaneceu irredutível a tudo isso. Então: fica quieta e deixa que a pessoa amarrada te venha procurar, pois que foi para isso que você chamou os espíritos, e foi para isso que você fez amarração amorosa.



7-



Tenha fé ! Muita gente diz: «mas você não pode dizer que eu não tenho fé, porque se eu não tivesse fé então não teria pedido a amarração amorosa». Então te dizemos: você não demonstra fé pedindo a amarração amorosa, você demonstra fé agindo conforme alguém que pediu amarração. Ou seja: não vale de nada estar pedindo amarração, se depois você se comportar como aquelas pessoas que não pediram amarrações amorosas. Ou seja: se você pediu amarração amorosa, então você pediu ajuda para uma força e uma entidade espiritual. Então: confia nessa força e nessa entidade para a qual você pediu ajuda, pois que ter fé é justamente isso, ou seja: é acreditar e crer nalgo ou nalguém, mesmo sem nada ver nem nada saber. Então: não age como aquele que não fez amarração amorosa, e que por isso anda atrás da pessoa todo o dia, e todo o tempo anda duvidando se vai conseguir ou se não vai conseguir, pois que esse que não fez amarração amorosa pode andar atras de alguém o tempo que quiser que não vai conseguir coisa alguma, pois que se andar atras de alguém e duvidando resolvesse problema....então seu problema já estaria solucionado. Não faz isso. Antes age como alguém que pediu amarração amorosa, e que por isso sabe que pediu ajuda para alguém que é poderoso e que por isso – sem qualquer sombra de dúvida do seu pensamento – vai vencer nessa demanda, e por isso: entrega o assunto nas mãos dessa entidade, e deixa ela trabalhar, e fica sempre confiante e na certeza da vitória dessa entidade, pois que ela é entidade amiga e é leal que não vai deixar você ficar mal. E porem: se você tem um amigo do qual passa o tempo todo desconfiando, então vai chegar o dia que de tanto desconfiar dele, então você vai perder esse amigo. Da mesma forma: se voce - atraves de um bruxo - pede ajuda para uma força ou entidade, para logo depois passar o tempo todo agindo como se não confiasse nessa entidade, então certo dia ela vai-se fartar e vai-se afastar. Então: depois não culpa o bruxo que convocou essa entidade para te ajudar. Logo : não age errado, e age como alguém que pediu amarração amorosa, e age confiando nessa entidade amiga que desceu para te ajudar, e dai em diante – suceda aquilo que suceder e haja aquilo que houver– permanece firme de certeza nessa entidade, e não vai atras da pessoa amada, e cumpre com aquilo que a entidade te falou, e deixa todo esse assunto na mão dessa entidade que você chamou. Então: se você chamou essa entidade para entregar na mão dela, então entrega e deixa ficar entregue. Dai em diante, deixa a entidade trabalhar.



8 -

Postura espiritual elevada!, querendo isto dizer: se você começa pensado: «eu só vou ser feliz quando o resultado aparecer», então você estará sendo infeliz, e infelicidade semeia infelicidade, e quem semeia infelicidade apenas colhe infelicidade. Então: você tem que deixar a magia atuar magicamente na sua vida, e magia é coisa linda que atua nos corações, que enche a vida de felicidade, que estimula a felicidade, e que é estimulada pela felicidade. Você já viu aquela pessoa que é rica, e que apesar disso parece que quanto mais dinheiro ela tem então mais dinheiro lhe entra na vida? Pois então: uma certa vibração atrai outra certa vibração idêntica, e por isso uma pessoa que esta de bem com dinheiro e quem nem sequer vive preocupado com dinheiro, então o dinheiro parece fluir e entrar naturalmente na vida dessa pessoa. Pois então: na magia sucede o mesmo, ou seja: aquela pessoa que estando bem, que estando confiante, que estando positiva e que estando feliz…. então ela vai atrair todas essas boas vibrações para si mesma, e vibração boa trai coisa boa, e por isso todas as coisas boas dai em diante vão começar surgindo naturalmente, e nessa pessoa a magia vai atuar magicamente. Então: deslumbre-se com a magia, e comece sendo feliz a partir do momento de ter praticado a magia pela magia, pois que a partir desse momento então a magia vai começar florescendo e florescendo, e esse amor vai entrar inesperadamente pela sua vida dentro.



rituaisdemagia@gmail.com
[ ... ]

Magia Sexual



A Magia Sexual, conhecida no Oriente como Tantra, é a prática ritualística desenvolvida através das energias canalizadas do corpo físico, da mente e do espírito humano. O ato de criar outras vidas através de relações sexuais e instituir uma força, ou um vínculo energético entre as pessoas envolvidas, é visto como místico e sagrado.

Como outras modalidades de Magia, a Magia Sexual também é um recurso usado como fonte do poder que fortalece as cerimônias ritualísticas e para obter o auto-conhecimento através da exploração do próprio corpo, psique e alma. A Magia Sexual é uma das faces mais importantes da Magia moderna.

Utilizada tanto nas escolas ocidentais como nas orientais, sua origem nos remete às práticas das crenças pré-cristãs, sendo que os primeiros registros datam de 3000 a.C. A Antiga Religião da Europa baseava-se em ritos de fertilidade para assegurar a proliferação de animais, plantas e humanos. O conceito pagão da atividade sexual era saudável e natural. Era a mais poderosa energia que os humanos podiam experimentar através dos próprios sentidos, com a manifestação afetiva de um indivíduo ou simplesmente a ação de compartilhar prazer e desejo carnal com outra pessoa. Assim, mulheres consagradas serviam aos deuses em templos, o homossexualismo e o heterossexualismo eram apenas definições das preferências sexuais, etc.

Existem dois canais de energia no corpo humano que estão associados ao sistema nervoso central e à medula espinhal, conhecidos no Ocidente comoLunar e Solar ou Feminina e Masculina (receptiva/negativa e ativa/positiva). Geralmente, entre os não-praticantes da Magia Sexual, apenas uma das correntes de energia está aberta e fluindo. Entre as mulheres, apenas a corrente lunar flui desimpedida. Entre os homens, apenas o canal solar está realmente livre. No caso dos homossexuais, essa situação está invertida. Em todas as situações, este fato causa um desequilíbrio e influencia negativamente várias esferas da vida humana.

Portanto, segundo este raciocínio, o estado sexual natural é a bissexualidade, em que ambas as correntes fluem juntas em harmonia. A alma que habita o corpo físico não é masculina nem feminina. Desse modo, o sexo é meramente uma circunstância física. O fluxo harmonioso das correntes no corpo é simbolizado pelo antigo símbolo do Caduceu.

Um dos maiores divulgadores da Magia Sexual contemporânea ocidental é Aleister Crowley, através da doutrina do Thelema. Posteriormente, diversas escolas iniciáticas a adotaram e adaptaram de acordo com a própria filosofia. Porém, os princípios básicos permanecem inalterados. Na Índia, ainda é uma das práticas mais utilizadas no hinduísmo.

Apesar de (teoricamente) compor vários sistemas mágicos, atualmente, a maioria das tradições não incorpora a Magia Sexual em suas atividades. Isto se deve a opção pessoal dos praticantes (inibição e preocupações com as doenças sexualmente transmissíveis) e a pressão social de uma cultura judaico-cristã, onde o sexo é visto como algo pecaminoso e polêmico. Deste modo, nos ritos sexuais modernos, são usadas representações simbólicas dos antigos elementos da fertilidade, sejam objetos que representem os genitais ou apenas uma dança ou encenação erótica.



Sagrado Feminino



Nas antigas crenças pagãs, os pólos femininos da criação eram reverenciados como sagrados e a mulher era vista como o principal canal gerador de vida. A Deusa era a divindade principal, responsável pela criação de todas as formas viventes. Dessa forma, os ritos que envolviam Magia Sexual, utilizavam-se de mulheres e do sangue menstrual como elementos principais do Altar Cerimonial.

O altar sagrado é formado por uma mulher que se deita de costas, nua, com as pernas dobradas e afastadas (de forma que os calcanhares toquem as nádegas). Um cálice é colocado diretamente sobre seu umbigo, ligando-o ao cordão umbilical etéreo da Deusa, a qual é invocada em seu corpo. Derrama-se o vinho sobre o cálice. O Sumo Sacerdote pinga três gotas de vinho, uma no clitóris e uma em cada mamilo, traçando uma linha imaginária que forma um triângulo no corpo feminino, tendo o útero como centro. Segue-se um beijo em cada ponto, enquanto a invocação é recitada.



Fluidos Mágicos



Os fluidos produzidos no corpo humano de forma natural ou através da estimulação sexual, também são utilizados nas cerimônias herdadas dos povos antigos que envolvem a Magia Sexual, e são empregados para um determinado objetivo.

O vinho ritual continha três gotas do sangue menstrual da Suma Sacerdotisa do clã, que unia magicamente os celebrantes nesta vida e nas próximas encarnações. Os caçadores e guerreiros eram ungidos com pinturas ritualísticas que continham sangue menstrual. Acreditava-se que ao unir o sangue de duas pessoas, criava-se um vínculo entre ambas. Ungir os mortos com o sangue era uma forma de assegurar o retorno à vida. O sêmen era considerado energia canalizada que vitaliza o praticante que o recebe. Ainda, o estímulo dos mamilos faz com que a glândula pituitária secrete um hormônio que ativa as contrações uterinas. Isso ativa o fluxo de certos fluidos através do canal vaginal.



Criança Mágica



A criança mágica é um termo utilizado na Magia Sexual ocidental para designar uma imagem no momento do orgasmo. Neste caso, a energia sexual não é liberada como no ato sexual tradicional, mas inibida por períodos prolongados e canalizada através da mente para que se manifeste numa forma de pensamento mágico, formando uma imagem astral durante o orgasmo.

Para esta atividade, é necessário que o praticante tenha desenvolvido a arte da concentra-ção/visualização e um controle firme sobre a própria força de vontade pessoal, de forma que no momento do orgasmo, não haja nada mais na mente que a imagem que deseja ver criada. Se estiver incompleta ou difusa, é possível que interferências negativas se manifestem e passem a consumir a energia sexual do praticante. Este conceito é uma das bases na crença dos Sucubus.



Pancha Makara



A corrente oriental da Magia Sexual, chamada Tantra, é dividida em cinco categorias de aplicações distintas conhecidas como Cinco M ou Pancha Makara, que em sua maioria, são canalizados no campo físico (Caminho da Mão Esquerda) e outro simbólico (Caminho da Mão Direita). O Pancha Makara recebe interpretações diferenciadas nas cerimônias praticadas nas correntes do Ocidente, ou em algumas situações, são adaptadas ou omitidas.



Madya Sadhana

A palavra Madya significa Licor e este princípio está relacionado à aplicação do Caminho da Mão Direita com uso adequado de estimulantes que ativam o sétimo chakra, Sahastrara, considerado o último nível de evolução da consciência humana e responsável pela integração dos outros chakras.



Mamsa Sadhana

O termo Mamsa pode ser traduzido como carne e significar que este princípio está associado ao uso ritualístico de carne. Também pode ser compreendido como fala (do verbo falar) e ser interpretado como uma invocação ou um mantra. Em quaisquer dos casos, está associado ao Caminho da Mão Esquerda (Físico).



Matsya Sadhana

Matsya significa peixe. Este princípio é usado tanto no aspecto físico como no simbólico. É visto como um fluxo psíquico que corre através dos canais da espinha dorsal, ou minoritariamente, como o consumo ritual de peixe num banquete ou Eucaristia.



Mudra Sadhana

Este é o mais conhecido fora dos círculos tântricos e é utilizado de maneira similar nos Caminhos Esquerdo/Direito. Representa o uso de posições específicas do corpo (especialmente da mão) para simbolizar ou encarnar certas forças, além de efetuar mudanças na consciência.



Maithuna Sadhana

A palavra Maithuna refere-se a união sexual. Este princípio, que atua tanto no aspecto físico como simbólico, está relacionado primitivamente com a atividade sexual. Porém, pode ser interpretado também como a atividade simbólica.



(Fonte:http://www.spectrumgothic.com.br/ocultismo/magia/magia_sexual.htm)
[ ... ]